Busca

Contribuição Sindical

Clique aqui e imprima seu boleto para sua contribuição sindical
Contribuição Sindical
Banner

Fenafar

Banner
Banner
Conferência Estadual abordará qualidade da saúde pública em MT PDF Imprimir E-mail
Sex, 23 de Outubro de 2015 17:58
A 8ª Conferência Estadual de Saúde acontecerá de 25 a 28 deste mês, com o tema "Saúde pública de qualidade para cuidar bem das pessoas: Direito do povo brasileiro".
Com a participação de muitos farmacêuticos da capital e do interior de Mato Grosso, começará neste domingo (25/10), no Hotel Fazenda Mato Grosso, em Cuiabá, a 8ª Conferência Estadual de Saúde. O evento irá avaliar a situação da saúde no Estado e elaborar propostas  a partir das necessidadesde saúde, além de participar da construção das diretrizes do Plano Plurianual (PPA) e do Plano Estadual de Saúde, no contexto os 25 anos do SUS.
Estão programados quatro eixos temáticos: Gestão estratéica e participativa; Infraestrutura; Modelos de gestão do Sistema Único de Saúde (SUS) e Mdelo de Atenção - no direito à saúde, a garantia de acesso e a qulidade. Durante os quatro dias são esperadas 1.200 pessoas entre participantes, convidados, delegados, gestores, representantes de movimentos sociais e de entidades e instituições. Entre os participantes já confirmados estão representantes do Ministério da Saúde, do Comitê Nacional de Educação Popular em Saúde e do Conselho Nacional de Saúde.
O secretário de Estado de Saúde e presidente da Conferência, EduardoBermudez, explica a importância do encontro, que reafirma os princípios e as diretrizes do SUS, o qual garante a saúde como direito humano a sua universalidade com base em políticas que reduzem as desigualdades sociais e territoriais. "A Conferência é a oportunidade de mobilizar e estabelecer diálogos com a sociedade acerca do direito à saúde e em defesa do SUS. Precisamos fortalecer a participação e o controle social com ampla representação dos segmentos envolvidos".
O coordenador da Conferência e conselheiro estadual de Saúde, Ambrósio Moreira Santos, reforça que na ocasião  serão estabelecidas as diretrizes para a implantação da política estadual de saúde durante o quadriênio 2016-2019. "Vamos aprofundar o debate sobre as reformas necessárias à democratização do estado, em especial as que incidem sobre o setor saúde".
A 8ª Conferência Estadual de Saúde acontecerá de 25 a 28 deste mês, com o tema "Saúde pública de qualidade para cuidar bem das pessoas: Direito do povo brasileiro".
A 8ª Conferência Estadual de Saúde
acontecerá de 25 a 28 deste mês , com o tema "Saúde pública de qualidade para cuidar bem das pessoas: Direito do povo brasileiro".
Com a participação de muitos farmacêuticos da capital e do interior de Mato Grosso, começará neste domingo (25/10), no Hotel Fazenda Mato Grosso, em Cuiabá, a 8ª Conferência Estadual de Saúde. O evento irá avaliar a situação da saúde no Estado e elaborar propostas  a partir das necessidadesde saúde, além de participar da construção das diretrizes do Plano Plurianual (PPA) e do Plano Estadual de Saúde, no contexto os 25 anos do SUS.
Estão programados quatro eixos temáticos: Gestão estratéica e participativa; Infraestrutura; Modelos de gestão do Sistema Único de Saúde (SUS) e Mdelo de Atenção - no direito à saúde, a garantia de acesso e a qulidade. Durante os quatro dias são esperadas 1.200 pessoas entre participantes, convidados, delegados, gestores, representantes de movimentos sociais e de entidades e instituições. Entre os participantes já confirmados estão representantes do Ministério da Saúde, do Comitê Nacional de Educação Popular em Saúde e do Conselho Nacional de Saúde.
O secretário de Estado de Saúde e presidente da Conferência, EduardoBermudez, explica a importância do encontro, que reafirma os princípios e as diretrizes do SUS, o qual garante a saúde como direito humano a sua universalidade com base em políticas que reduzem as desigualdades sociais e territoriais. "A Conferência é a oportunidade de mobilizar e estabelecer diálogos com a sociedade acerca do direito à saúde e em defesa do SUS. Precisamos fortalecer a participação e o controle social com ampla representação dos segmentos envolvidos".
O coordenador da Conferência e conselheiro estadual de Saúde, Ambrósio Moreira Santos, reforça que na ocasião  serão estabelecidas as diretrizes para a implantação da política estadual de saúde durante o quadriênio 2016-2019. "Vamos aprofundar o debate sobre as reformas necessárias à democratização do estado, em especial as que incidem sobre o setor saúde".
A 8ª Conferência Estadual de Saúde acontecerá de 25 a 28 deste mês, com o tema "Saúde pública de qualidade para cuidar bem das pessoas: Direito do povo brasileiro".
 
RocketTheme Joomla Templates